Relacionamento e Amor – Ansiedade ou Felicidade?

      Relacionamento: Ação ou efeito de relacionar; relacionação, segundo o dicionário Michaelis.                   

casal

Relacionamento: Ação ou efeito de relacionar; relacionação, segundo o dicionário Michaelis.

Numa significação mais informal seria convivência, contato, convívio, amizade.

Toda pessoa aprende a se relacionar desde o momento em que nasce. O convívio familiar é o primeiro contato social do indivíduo com uma relação entre as pessoas.

Quando criança, desenvolvemos nossa personalidade norteada pelo mundo que nos rodeia.

Uma relação familiar saudável ou a falta dela terá reflexos na vida de uma pessoa para sempre.

Ou seja, nós aprendemos a nos relacionar desde que nascemos e vamos complicando tudo ao longo da vida.

Para transformar nossas relações diárias é preciso uma enorme dose de humildade. E quando se fala em relacionamento entre casais a tarefa parece ainda mais difícil.

Quando se trata de pessoas muito diferentes entre si, complica de vez. Lidar com as diferenças é um aprendizado permanente.

Relação complicada é sinônimo de vida ansiosa.

O ser humano foi feito para viver em comunidade.

Lembra-se do filme “Náufrago”? O personagem do ator Tom Hanks resume bem essa condição.

Após um acidente de avião e ficar sozinho numa ilha deserta, não bastava ter sustento para o sobreviver e abrigo para se proteger.

Era preciso lidar com o sofrimento e a solidão. Chuck Noland, personagem vivido por Hanks, criou um amigo imaginário: Wilson.

Mas, não precisamos chegar a esse ponto.

A ficção nos ajuda a refletir sobre nossa real condição.

Bem, vamos às razoes:

1-      Quando estamos apaixonados não enxergamos nenhum defeito em nosso parceiro, mas eles estão ali.

Mas, lembre-se: os seus também estão e ele, ou ela, pode não estar vendo também. É a ingênua armadilha de achar que vamos viver em um conto de fadas.

Até descobrir que o príncipe virou sapo e a princesa, bruxa. Portanto, não idealize uma relação. Tente construir uma vida de convivência saudável.

Não obrigue o outro a se tornar o que você quer que ele seja.  Quanto a você, não se submeta também aos devaneios e idealizações de seu parceiro.

2-      Outra razão para uma relação naufragar é exigir que a outra pessoa se anule para fazer suas vontades.

Não se pode chamar essa atitude de relacionamento, pois é praticamente unilateral.

Não há nenhuma inteligência emocional  e nem é emocionalmente saudável.

3-      Um relacionamento a dois saudável é construído diariamente por pessoas que pretendem compartilhar experiências, sonhos, conquistas e objetivos.

4-      E por ultimo, se por alguma razão esse relacionamento não deu certo mesmo, não faça de conta de que nada está acontecendo.

Tenha coragem para rever seus caminhos. Assim como no filme “O Náufrago”, tudo o que o ex-executivo Chuck Noland queria era voltar para a casa e para avida que tinha antes do acidente que o fez reavaliar seu modo de vida e seus conceitos.

Ele foi surpreendido por uma realidade diferente da que tinha alimentado tantas noites. Encontrou a mulher dele casada com outro homem e mãe de filhos pequenos.

A vida dela seguiu em frente depois de achar que tinha perdido o marido no acidente de avião. Chuck seguiu adiante também.

O caminho foi bem diferente do que ele tinha planejado.

Tenha coragem de fazer reflexões sobre seus relacionamentos.

Seja com seu companheiro, com sua companheira, com seus filhos ou colegas de trabalho. Aprenda com as diferenças. Quando  possível, tente resolvê-las.

O resultado é construção de relações sólidas e cheias de cumplicidade. Nós somos os principais responsáveis pela nossa felicidade.

Se você gostou e acha que pode ser útil para alguém compartilhe.

Obrigada por você estar aqui.

Um abraço carinhoso, um beijo e até a próxima

Rose

E-book Grátis ensina Como Controlar o TRANSTORNO DE ANSIEDADE de forma simples.

Rosemary

Formada em Odontologia pela Faculdade de Odontologia de Bauru-USP, com especialização em Ortodontia e Ortopedia Facial pela FUNBEO-USP, sempre se interessou pelo Desenvolvimento Pessoal, por isso, paralelamente à Odontologia cursou Medicina Tradicional Chinesa-Acupuntura, Body Mind Talk e Terapia TFT e formou-se em Coaching Pessoal e Profissional pela Sociedade Brasileira de Coaching. Atua em consultório particular exercendo Ortodontia e atende clientes de Terapia e Coaching.

Website: http://rosemarydecastro.com